Polícia apreende 5 mil máscaras com logo de marcas falsificadas em SP

Por Metro World News com Bandeirantes

A polícia apreendeu 5 mil máscaras de baixa qualidade que ostentavam marcas famosas na madrugada desta quinta-feira (23). O material foi interceptado no Brás, região central de São Paulo, e seria revendido por camelôs.

Veja também:
São Paulo suspende velórios de vítimas de covid-19
Bolsonaro exonera diretor-geral da PF e Moro anuncia pronunciamento

No baú do veículo a equipe encontrou cerca de 5 mil máscaras de proteção com logos falsos de marcas registradas e times de futebol, assim como bonés e camisetas, todos sem documentação fiscal. Todos os produtos foram apreendidos.

Segundo os investigadores, um caminhão que trouxe os equipamentos do Paraná já havia transportado outras 20 mil máscaras falsificadas, que também foram apreendidas. Os produtos apreendidos são de um tecido fino, de baixa qualidade, e rasgam facilmente.

O delegado Arariboia Fusita, do Distrito Policial de número 12, no Pari, afirmou que o motorista foi preso e está atrás dos outros membros da quadrilha.

O médico infectologista Jean Gorinchteyn alerta para que as pessoas confiram se as máscaras tem dupla face antes de compra-las. Só no estado de São Paulo, desde o começo da pandemia, 35 pessoas foram presas comercializando equipamentos de proteção individual e testes clandestinos.

Loading...
Revisa el siguiente artículo