Foco

Países importadores anunciam restrições a carne brasileira após Carne Fraca

A União Europeia decidiu suspender, temporariamente, a importação de carne brasileira de todas as empresas envolvidas na Operação Carne Fraca. O Ministério da Agricultura brasileiro afirmou não ter recebido o comunicado oficial de que a União Europeia suspendeu temporariamente a importação.

ANÚNCIO

Mais cedo, a Coreia do Sul havia decidido proibir temporariamente a compra de produtos de frango da BRF, das marcas Sadia e Perdigão.

O Ministério de Agricultura sul-coreano disse que fornecedores brasileiros de carne de frango terão que enviar um certificado de saúde emitido pelo governo brasileiro.

Na sexta-feira, especialistas ouvidos pela Reuters já manifestavam preocupações sobre o impacto do escândalo nas exportações brasileiras.

Mais de 80% das 107.400 toneladas de frango importadas pela Coreia do Sul no ano passado vieram do Brasil, sendo quase metade fornecida pela BRF.

China

A China também suspendeu temporariamente as importações de carne brasileira a partir do dia 19 de março, disse uma fonte à Reuters nesta segunda-feira (20).

ANÚNCIO

A fonte, que pediu para não ser identificada por causa da sensibilidade da informação, afirmou que a suspensão das compras de carne brasileira é uma medida de «precaução».

O Ministério da Agricultura confirmou que os navios carregados com carne brasileira que chegarem aos portos chineses estão proibidos de desembarcar a mercadoria. A medida acontece até que o governo Michel Temer dê explicações em relação à qualidade do produto.

Chile

O Chile também está barrando temporariamente importações de carne do Brasil após o escândalo sobre o suposto pagamento de propinas a agentes de fiscalização sanitária.

Segundo o professor da USP Marco Antonio Trindade, responsável pelo Laboratório de Qualidade e Estabilidade de Carne e Produtos Cárneos da Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos, é natural que, em um primeiro momento, os efeitos da Operação Carne Fraca gerem impacto no mercado externo, com a adoção de restrições ao produto nacional.

O especialista acredita que, com o tempo, os importadores vão perceber que as irregularidades foram detectadas apenas em uma pequena parte da produção.

Carne Fraca

A Polícia Federal lançou na sexta-feira (17) uma operação para desarticular uma organização criminosa envolvendo fiscais agropecuários e cerca de 40 empresas. A investigação apontou fraudes na fiscalização sanitária, com o pagamento de propina para liberação de mercadorias adulteradas e estragadas.

Uma autoridade do Ministério de Agricultura brasileiro disse, contudo, que os problemas constatados não impunham riscos aos consumidores ou às exportações.

Um executivo da BRF se entregou à polícia no sábado. Em comunicado, a empresa diz que algumas das alegações são falsas ou baseadas em mal entendido.

“A BRF nunca comercializou carne podre e nem nunca foi acusada disso”, disse a empresa, acrescentando que as menções de produtos estragados ou contaminados pela polícia estavam especificamente ligadas a frigoríficos menores sem relação com a BRF.

A Coreia do Sul baniu as importações de frango dos Estados Unidos após um caso de gripe aviária ter sido detectado em uma granja no Tennessee.

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias