Foco

Compre o seu veículo usado com segurança

Diante da crise, comprar um carro seminovo passou a ser a opção de muitos brasileiros. Na contramão do setor, as vendas de veículos com até 3 anos de uso acumulam alta de 24,1% entre janeiro e maio, atingindo 1,85 milhão de unidades comercializadas, segundo dados da Fenauto, federação de revendedores.

ANÚNCIO

Mas a escolha de um usado exige cuidados especiais.  “O consumidor deve fazer uma pesquisa antecipada para saber procedência o veículo”, Captura de Tela 2016-06-12 às 19.18.50alerta José Félix, responsável pela Checkauto, empresa do Grupo Dekra, que realiza inspeções técnicas de veículos.

Pela placa do carro, o consumidor deve veriicar se há dívidas anteriores à compra, como multas, IPVA, licenciamento. A consulta pode ser feita em portais do Detran, da Secretaria da Fazenda e da prefeitura da cidade.

Recomendados

Também é essencial checar se o carro é roubado e o sinistro de indenização. “O carro pode ter participado de acidente e não poderia ser comercializado. Isso deprecia muito o valor do carro. Além disso, o veículo pode estar com parte estrutural comprometida”, diz o especialista.

Segundo Félix, é preciso vereifcar ainda se o veículo é proveniente de leilão e sofreu danos, além do histórico de quilometragem. “Muitas situações não impedem a compra, mas podem desvalorizar o carro”, alerta.

O comprador deve fazer a vistoria, checando todos os itens, desde o visual e a mecânica até a documentação do veículo. Segundo Félix, na parte mecânica, os principais problemas apresentados são na refrigeração, suspensão e freio.

Após comprar um veículo, é necessário fazer a comunicação ao Detran e a transferência em até 30 dias. O comprado deve pedir ainda para o antigo proprietário assinar o CRV (Certificado de Registro de Veículo) e reconhecer firma em cartório. 

Tags

Últimas Notícias