Foco

Sem chuvas há 24 dias, ar seco maltrata moradores em São Paulo

A cidade de São Paulo não recebe chuvas significativas desde o dia 25 de março. Com isso, o paulistano tem enfrentado um mês de abril com ar seco e altas temperaturas.

Segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), uma área de alta pressão formou bloqueio atmosférico que tem desviado as frentes frias e impedido a formação de nuvens. É por esse motivo que, em todo o mês, choveu apenas 1,3 mm, o que equivale a menos de 2% da média histórica de abril (66,6 mm).

A falta de chuvas faz com que a umidade relativa do ar no mês fique entre 30% e 40% – fora do índice ideal de 60%, de acordo com o CGE.

Veja também:
Governo de São Paulo faz alerta contra uso excessivo de Tamiflu
Padre embriagado atropela e mata homem em rodovia de Campinas

A previsão é que o calor e o tempo seco permaneçam por, pelo menos, mais uma semana. Até lá, o CGE recomenda a todos que evitem aglomerações, não tomem banhos com água muito quente – pois provoca o ressecamento da pele – e utilizem creme hidratante e protetor labial. Além, claro, de beber muita água. 

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos