Foco

Executivos da TAM recebem menina esquecida em aeroporto em São Paulo

A família da menina de sete anos que havia sido esquecida pela TAM no Aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo, foi recebida por executivos da empresa ao chegar ao terminal de embarque na noite de segunda-feira (20). A pequena Luiza embarcou com o avô Odilon, que veio de João Pessoa para acompanhar a neta durante a viagem.

No domingo (19), a criança viajaria desacompanhada pela primeira vez para passar as férias com os avós na Paraíba. Os pais pagaram uma taxa para que ela fosse conduzida durante o trajeto, mas um funcionário terceirizado que deveria levá-la até o avião a deixou no lugar errado.

A assessora de imprensa Carolina Petter, mãe da pequena Luiza, disse que chegou a receber uma ligação da presidente da companhia, Claudia Sender, com pedidos de desculpas.

O que Carolina espera, porém, é que o ocorrido com a filha possa evitar outras situações parecidas. “Para a gente o mais importante é saber que isso não vai acontecer com outra criança, um cadeirante, um senhor de idade ou qualquer outra pessoa que possa necessitar de ajuda”, afirmou a assessora, que ainda não terminou o assunto com a TAM. “Com certeza ainda temos muito o que conversar com a companhia aérea”, garantiu.

TAM chegou a dizer que a criança já havia embarcado, mas ao ligar para a filha a mãe Carolina descobriu que ela estava sozinha e perdida. Algumas horas depois, a criança foi achada e a família registrou um boletim de ocorrência, além de prestar queixa à Agência Nacional de Aviação Civil e à própria companhia aérea.

Em nota, a TAM afirmou que houve uma falha no processo de embarque, mas alega que a menina não deixou de ser «assistida» por um funcionário da companhia.

Luiza ficará em férias até o dia 5 de agosto, quando retornará a São Paulo com os avós, que já haviam combinado de voltar com a neta.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos