Foco

Com camisa da Seleção e fuzil, traficantes festejam gol

Luiz Fernando Pezão – governador do Rio
Reportagem de Sérgio Costa
Mario Sergio Duarte – especialista em segurança

Criminosos de uma favela que virou refúgio de traficantes no Rio de Janeiro dispararam tiros de fuzil para o alto na comemoração de um gol.

Os torcedores vibravam com o time que usava o uniforme da seleção brasileira. Depois de marcar um gol de pênalti, começou a comemoração diferente, com fuzis.

Nas imagens, ninguém parece se sentir ameaçado. Algumas pessoas apenas se incomodam com o barulho e tampam os ouvidos.

Tudo aconteceu durante um torneio de futebol amador no início do mês na comunidade da Vila Aliança, que fica em Bangu, na zona oeste do Rio. O patrocinador do time é o chefe do tráfico de drogas do local, que é foragido da polícia.

A rede Al Jazeera exibiu o vídeo na internet e o assunto ganhou repercussão internacional. A Vila Aliança não é pacificada, mas a comunidade vizinha, Vila Kennedy, separada apenas por um morro, já está ocupada pela polícia há dois meses e deve receber uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) na semana que vem.

Há quatro anos, a Secretaria de Segurança fechou um posto da polícia bem perto do campo onde os tiros foram disparados.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos