Estilo de Vida

Relacionamento: ser amigo antes de namorar nem sempre funciona. Saiba porquê

Especialista em relacionamentos aponta os motivos para evitar se envolver com quem você já tem amizade

Relacionamento: ser amigo antes de namorar nem sempre funciona. Saiba porquê
Relacionamento: ser amigo antes de namorar nem sempre funciona. Saiba porquê Foto: Pixabay

ANÚNCIO

O namoro que começa a partir de uma amizade é visto por muitas pessoas como uma das formas mais “orgânicas” de relacionamento. Isso se dá ao fato de que, antigamente, era um dos únicos modos de conseguir conquistar alguém, em vista de que não existiam redes sociais ou muito menos celular.

ANÚNCIO

Também é muito comum nos filmes, seriados e novelas de acontecer um romance entre melhores amigos, isso depois de ocorrer tantas batalhas e intrigas no meio do caminho, até o casal ficar junto no final da trama. Mas será que isso sempre vai ser visto como algo bom?

Em entrevista ao Metro Reino Unido (em inglês), o especialista em relacionamentos, James Thomas, explica que, em algumas situações, isso pode ser um erro. “Quando você namora seu melhor amigo, o sexo muda a dinâmica do seu relacionamento. Depois de ver alguém em um ambiente íntimo, será difícil vê-lo da mesma forma novamente”, comenta.

Para o especialista, além do fato do vínculo da intimidade se tornar um empecilho, pode ser que apareça um certo ciúme que antes não existia. “Se não funcionar romanticamente, pode ser difícil vê-los transando sexualmente com outra pessoa”.

LEIA TAMBÉM:

Mulheres que começaram a fazer sexo na adolescência têm maior probabilidade de se divorciarem, segundo estudo

Homem enfurece a namorada após dizer que ela não é a mulher mais bonita do mundo

É assim que a pornografia pode gerar disfunção sexual, segundo estudo

ANÚNCIO

Outro ponto apontado por James é o fato de que você pode não enxergar alguns defeitos que você enxergaria caso a pessoa não fosse muito sua amiga. “Quando você começa a falar com alguém, pode ser mais fácil detectar sinais vermelhos logo no início. Com seu amigo, pode ser mais difícil ver suas falhas e você vai deixar escapar coisas que normalmente não faria”, comenta.

Além das questões apontadas anteriormente, um outro problema pode marcar muito esse tipo de relacionamento: o tédio. Uma das fases mais empolgantes de uma paixão é conhecer a pessoa, suas manias e até mesmo defeitos. Namorando com alguém que você já conhece, todo esse período de descobertas é descartado.

Mas se você quiser realmente tentar, a dica é levar esse novo relacionamento com a mesma energia e ansiedade que você levaria caso fosse uma pessoa totalmente desconhecida.

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias