Rio 2016

Seleção feminina de futebol goleia a Suécia e garante classificação

 

ANÚNCIO

selo olimpiada rio 2016A Seleção brasileira feminina de futebol está nas quartas de final dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Depois de derrotar a África do Sul na estreia, as meninas do Brasil superaram a Suécia por 5 a 1, neste sábado, no Engenhão, chegaram a seis pontos no Grupo E e conseguiram a classificação antecipada.

Os destaques da partida foram as veteranas Marta e Cristiane. A camisa 10 anotou dois gols, enquanto a centroavante, que fazia seu 100º gol com a amarelinha, deixou sua marca uma vez. No entanto, nem tudo foram alegrias para a camisa 9, que teve que sair da partida aos prantos por causa de lesão.

Recomendados

Sexta colocada no ranking da Fifa, duas posições à frente do Brasil, a Suécia teve a primeira grande oportunidade da partida. Aos 10 minutos, Rubensson cruzou rasteiro e Schelin apareceu quase na pequena área para finalizar. A europeia não pegou bem na bola, o que permitiu que Bárbara fizesse excelente defesa.Daí em diante, só deu Brasil. Aos 13, Cristiane deu lançamento preciso para Marta, que recebeu dentro da área e parou na goleira Lindahl. Aos 20, a Seleção aproveitou um vacilo da zaga adversária para marcar. Depois de lançamento da defesa, Berglund protegeu para Lindahl pegar a bola, mas Bia foi mais esperta que as duas e só deu um toquinho para abrir o placar.A Suécia respondeu no minuto seguinte e até chegou a marcar, mas a bandeirinha assinalou impedimento de Schelin corretamente.A dupla Marta/Cristiane voltou a aparecer aos 23. A camisa 10 foi à linha de fundo pela esquerda e cruzou rasteiro para a atacante, que finalizou de letra e foi à rede. Foi o 14º gol em Olimpíadas de Cristiane, a maior artilheira da história dos Jogos.

Cristiane tentou retribuir a assistência aos 34, mas Marta, depois de fintar defensora, bateu colocado, buscando o ângulo, e mandou para fora. Aos 43, Cristiane deu uma oportunidade que Marta não perderia. A camisa 9 sofreu um pênalti duvidoso, convertido com categoria pela capitã.

Com uma vantagem confortável, a Seleção apenas segurou o resultado. A troca de passes da seleção teve até direito a olé. Mas a festa teve um momento de preocupação: aos 19, Cristiane colocou a mão na coxa e desabou, tendo que ser substituída aos prantos.

Ainda teve tempo para a Seleção transformar a vitória em goleada. Aos 35, Marta invadiu a área e voltou a marcar. Aos 43, foi a vez de Bia anotar seu segundo na partida, desta vez em chute colocado da entrada da área.  Nos acréscimos, Schelin ainda descontou para a Suécia.

 

Tags

Últimas Notícias