logo
Esporte
Esporte 08/04/2015

São Paulo chega a um consenso e tenta Alejandro Sabella

Sabella está negociando com o Manchester City, por isso pediu uns 10 dias para responder a proposta do São Paulo | Laurence Griffiths/Getty Images

Sabella está negociando com o Manchester City, por isso pediu uns 10 dias para responder a proposta do São Paulo | Laurence Griffiths/Getty Images

A diretoria do São Paulo chegou a um consenso sobre quem deve comandar a equipe: Alejandro Sabella, vice-campeão da Copa do Mundo 2014 com a Argentina. O nome agradou e foi contatado na última terça-feira, mas o argentino pediu um tempo para poder responder, o que pode coloca-lo fora da disputa pelo comando do Tricolor.

Sabella está negociando com o Manchester City, por isso pediu uns 10 dias para responder a proposta, fato que pode atrapalhar sua chegada ao Morumbi. A equipe inglesa também cogita contratar Carlo Ancelotti, treinador do Real Madrid, e deve dar uma resposta ao argentino até o fim da próxima semana.

O São Paulo tenta uma resposta rápida de Sabella, já que o time joga com o RB Brasil, no fim de semana, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, e com o Danúbio, na próxima semana, em uma rodada decisiva para a equipe na Libertadores. Se o argentino ficar no City ou o Tricolor desistir de esperar, uma provável batalha entre brasileiros pelo comando da equipe pode se iniciar.

Abel Braga e Vanderlei Luxemburgo são nomes especulados pela imprensa e pelo clube. O primeiro tem um acordo encaminhado com o Al Jazira e Luxemburgo está treinando o Flamengo, mas ambos são possíveis. O flamenguista seria o favorito neste duelo de brasileiros.

O São Paulo volta a campo na noite desta quarta-feira, contra a Portuguesa, pela última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista. Por enquanto, o interino Milton Cruz fica à frente da equipe.