Entretenimento

O Projeto Montauk: os experimentos de viagem no tempo que serviram de inspiração para Stranger Things

Os criadores da popular série consideraram inicialmente basear a trama neste projeto

A bem-sucedida série da Netflix, “Stranger Things”, conhecida por sua combinação de nostalgia, personagens memoráveis e elementos de terror, esteve perto de ter um título completamente diferente.

Inicialmente, os criadores da série, os irmãos Duffer, planejavam ambientar a história em torno do misterioso Projeto Montauk, uma teoria da conspiração que envolvia experimentos do governo dos Estados Unidos no East End de Long Island.

O Projeto Montauk: uma fonte de inspiração oculta

O Projeto Montauk, que inspirou os irmãos Duffer a criarem “Stranger Things”, foi um tema controverso que explorava a ideia de experimentos secretos do governo, repressão da memória e viagens no tempo.

Recomendados

Embora a série tenha acabado se concentrando na fictícia cidade de Hawkins, Indiana, a essência da conspiração de Montauk ainda está presente na trama e na atmosfera geral da série.

Preston B. Nichols

Um dos principais impulsionadores da teoria do Projeto Montauk foi Preston B. Nichols, autor do livro mencionado. Nichols aprofundou-se nos supostos experimentos do governo e nas técnicas de repressão de memórias utilizadas no projeto.

Os irmãos Duffer, ao pesquisar sobre o assunto, encontraram nesta obra uma fonte rica de inspiração, repleta de elementos que posteriormente incorporariam na trama de "Stranger Things".

O impacto na série

Embora "Stranger Things" tenha finalmente adotado o cenário de Hawkins, Indiana, em vez de Montauk, a série mantém muitos elementos da teoria da conspiração original. Desde os experimentos do governo até as viagens no tempo e as habilidades psíquicas dos personagens, a influência do Projeto Montauk é evidente em cada temporada da bem-sucedida série da Netflix.

Esta ligação com teorias de conspiração reais adicionou uma camada adicional de mistério e fascinação para os espectadores, transformando “Stranger Things” em um fenômeno cultural moderno que continua cativando audiências em todo o mundo.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos