Entretenimento

O novo escândalo da rainha Letizia, acusada de ser a culpada pelo suicídio de sua irmã

A monarca continua exposta ao escárnio público por seu passado

Reina Letizia
Recepção No Palácio Residencial - Realeza Espanhola Visita Angola LUANDA, ANGOLA - FEVEREIRO 07: Rainha Letizia de Espanha comparece à recepção oficial no Palácio Residencial no dia 07 de fevereiro de 2023 em Luanda, Angola. Esta é a primeira viagem oficial da realeza espanhola a um país da África Subsaariana. (Foto de Carlos Alvarez/Getty Images) (Carlos Alvarez/Getty Images)

ANÚNCIO

Uma nova tempestade está enfrentando a rainha Letizia, após o escândalo amoroso que ela viveu devido às fortes declarações de seu ex-cunhado, Jaime del Burgo, que afirmou que ambos foram amantes. Os problemas parecem não terminar na vida real e agora ela está exposta novamente.

ANÚNCIO

Embora Letizia e o Rei Felipe VI tenham decidido guardar silêncio em meio aos ataques e rumores, as controvérsias não param para a casa real da Espanha e agora trouxeram de volta a morte de Érika, a irmã mais nova da monarca.

Foi em fevereiro de 2007 que se tornou conhecido o suicídio de Érika Ortiz, quando ela tinha apenas 31 anos de idade, após supostamente ingerir um frasco de comprimidos, devido aos problemas de saúde mental que ela sofria. No entanto, agora estão culpando Letizia pelo ocorrido.

Por esta razão, acusam a rainha Letizia pelo suicídio de sua irmã mais nova

Durante o programa do YouTube 'A reunião secreta', o jornalista Jaime Peñafiel, encarregado de revelar a suposta infidelidade da rainha, voltou a atacá-la ao mencioná-la como uma peça importante em torno da morte de Érika.

Segundo o comunicador, ele conta com algumas fontes que afirmam que a ex-jornalista tinha problemas de infertilidade e estava tratando desses problemas em uma clínica em Valência. No meio de seus problemas para se tornar mãe, foi Érika quem doou os óvulos para que ela pudesse conceber descendência.

"Érika cedeu seus óvulos para Letizia poder engravidar. Isso não é ruim, estranho ou criticável. Parece que é por isso que Érika tinha paixão pelas filhas de Letizia, porque eram suas meio-filhas", disse.

Segundo o exposto, foi essa mesma ‘paixão’ que fez com que a rainha a proibisse de ir a Zarzuela para vê-las. Naquela época, ela estava grávida da princesa Sofia e Leonor já tinha 2 anos.

ANÚNCIO

A tensa situação teria terminado com o suicídio da irmã da rainha, após uma profunda depressão, de acordo com as fontes de Peñafiel.

Jaime del Burgo, já havia alertado sobre os problemas de fertilidade de Ortiz quando mencionou que ambos desejavam ter um filho juntos através de gestação por substituição, o que alimenta ainda mais a teoria dos problemas que Letizia tinha.

No meio do furacão que enfrenta a casa real da Espanha, os monarcas têm aparecido em alguns eventos, mas a distância e frieza que têm mostrado, denunciam a crise matrimonial que afirmam estar enfrentando, depois que Del Burgo expôs a cronologia de seu romance.

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias