Entretenimento

Eric Clapton revela sofrer de doença irreversível que dificulta tocar guitarra

O célebre músico Eric Clapton revelou que sofre de uma doença no sistema nervoso que torna difícil seu trabalho como guitarrista e que esse problema seria irreversível.

«Começou como uma dor na lombar e se transformou no que eles – os médicos – chamam de neuropatia periférica. Sinto como se tivesse descargas elétricas até as pernas», disse em entrevista recente à revista «Classic Rock».

Leia mais:
Líder do AC/DC diz estar ‘arrasado’ com perda de audição, mas não quer parar
Para promover filme, Daniel Radcliffe passeia por Nova York com cadáver

Recomendados

Apesar disso, ele agradece por estar vivo e continuar fazendo o que gosta.

«Considerando que estou em recuperação do alcoolismo e do vício em drogas, considero uma grande coisa eu estar vivo. Por alguma razão, me tiraram da porta do inferno e me deram outra oportunidade», afirmou, em referência ao abuso dessas substâncias ocorrido durante as décadas de 1970 e 1980.

Sobre a doença, Clapton disse que vai ser difícil continuar na música. «Ainda posso tocar, mas preciso dizer que fica complicato em alguns momentos. O aspecto físico de envelhecer é difícil», explicou.

O músico de 71 anos publicou no mês passado o disco «I Still Do», além da recompilação «Forever Man», em que faz um histórico de suas mais de quatro décadas de carreira. Durante esses anos anos, ele passou por bandas como John Mayall & The Bluesbreakers, The Yardbirds, Cream e Blind Faith.

Apesar do problema de saúde, CLapton afirmou que «I Still Do» está longe de ser uma despedida dos palcos. O álbum, na verdade, é uma homenagem a todos que se foram.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos