Colunistas

Oportunidade de negócio: onde encontrar a sua?

Marcos-SilvestreVocê e seu negócio. Sua chance como empreendedor será possivelmente maior no setor profissional em que você tradicionalmente vem atuando. Afinal, você já conhece um bom tanto desse ramo, e já deu tempo de odiá-lo (e largá-lo de vez!) ou de amá-lo (apesar dos pesares!), inclusive a ponto de querer empreender neste setor. Agora… se for mesmo para dar uma guinada para outro lado e respirar novos ares, que seja pelo menos para um outro setor no qual você consiga enxergar que poderá aproveitar o melhor de quem você é, desenvolvendo uma atividade bem ajustada para sua personalidade única.

ANÚNCIO

Bom para quem? Você não deveria pensar em abrir uma corretora de seguros se não gosta de se locomover pela cidade, se não tem paciência para esclarecer detalhes a um cliente em potencial que está negociando uma nova apólice, e se não tem autocontrole para dar atenção a um cliente muito tenso que acaba de se envolver em um sinistro. Para alguém que prefere trabalhar sempre no mesmo endereço, com uma rotina mais sistemática, mais voltada da porta para dentro, uma pequena fábrica de doces artesanais (na realidade, qualquer pequena indústria), por exemplo, será um negócio mais indicado.

Seu nicho. Partindo do ramo em que imaginou atuar, busque um nicho diferenciado, uma “brecha” que pode ser bem explorada conforme sua visão do mercado. Converse com amigos e parentes para colher ideias, leia muito, mas essencialmente confie no seu faro empreendedor. Não precisa ser algo exclusivo ou absolutamente inovador, mas procure selecionar uma oportunidade concretamente atraente para você. Busque um formato de negócio que aproveite seus pontos fortes como profissional (são sua grande força!), e que não seja cronicamente limitado por seus pontos fracos (sempre os há!).

A sua cara! Você não vai querer abrir um lava rápido se, por exemplo, apesar de gostar muito de carros, de limpeza e de manutenção (pontos fortes para turbinar seu empreendimento!), você tiver consciência de que não tem a paciência necessária para treinar e coordenar funcionários (ponto fraco)! Vamos ajudar você na escolha: na sequência de nossas colunas Por Conta Própria, iremos analisar alguns setores bastante procurados pelos empreendedores, focando nos principais formatos de negócios destes setores, procurando identificar suas possíveis oportunidades e suas ameaças. E vamos faturar!

Economista com MBA em Finanças (USP), orientador de famílias e educador em empresas (Metodologia PROF® / UNICAMP), é comentarista econômico do Grupo Bandeirantes de Rádio e TV. Autor de “Os 10 Mandamentos da Prosperidade”, dirige o site www.oplanodavirada.com.br.   

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias