Colunistas

Doenças que os animais de estimação transmitem

edimilson-migowskiAs zoonoses, ou doenças causadas por animais ao homem, podem ser transmitidas de diversas formas, como: mordidas, arranhões, contato com excreções (saliva, urina, fezes), pelos, entre outros. As mordidas podem gerar infecções na pele (celulite e abscesso), nas articulações e ossos, sendo, em geral, causadas por diversas bactérias.

A princípio, toda mordida humana ou animal é contaminada com bactérias, que podem gerar infecções. O risco de infecção depois de uma mordida por cão é de 4% a 10%. Se o animal agressor for um gato, o risco é de 50% a 80%.

Raiva

É uma doença causada por um vírus (Lyssavírus) e transmitida entre os mamíferos pela saliva de animais doentes. É extremamente grave, levando à salivação excessiva, alterações neurológicas, paralisias e à morte em poucos dias.

Cães e gatos podem transmitir a doença por mordidas, arranhões ou lambidas. Hamsters e coelhos não transmitem a raiva e não há necessidade de profilaxia para a doença após acidentes com esses animais.

Caso aconteça, lave com grande quantidade de água e sabão neutro, retirando sujeiras e objetos que podem contaminar a ferida. Procure rapidamente um atendimento médico, se possível com menos de 8 horas do ato da mordida.

Prevenção

Vacine todo ano seus cães e gatos e evitem que eles fiquem na rua. Quando for passear com seu cão pela rua, leve-os sempre na coleira. Tenha cuidado ao se aproximar de cães e gatos desconhecidos. Com esses cuidados, os animais de estimação podem continuar sendo bons amigos. Fique bem, cuide-se bem!

Captura de Tela 2016-05-10 às 21.17.58

Professor de Medicina e presidente do Instituto Vital Brazil, Dr. Edimilson Migowski escreve às quartas-feiras. 

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos