Colunistas

De volta a indianápolis

Helio-CastronevesOi amigos do Metro, tudo legal? Quero começar a coluna de hoje comemorando com vocês o meu 41º aniversário. Pois é, no dia 10 de maio de 1975 o Castroneves aqui apareceu no pedaço e lá se vão 41 anos de vida e quase 30 de automobilismo. Tem sido um caminho intenso não só de recordes e vitórias, mas também de “derrapadas” e de “raspões no muro”. Mas a vida da gente é assim, cheia de altos e baixos. Por isso que viver é um desafio, um maravilhoso desafio!

Estou escrevendo essa coluna na segunda, 9, mas já percebi a Mikaella toda cheia de segredinhos pela casa. Na ternura de seus seis aninhos, ela está toda empenhada em me fazer uma surpresa e quem é pai vai concordar comigo: nada é melhor do que esse carinho.

Mas se vocês pensam que vou passar o dia do meu aniversário de pernas para o ar, só curtindo, estão enganados. Hoje é dia de filmagem com a Shell e não vai ser coisa rapida, não. Vamos até de noite nessa gravação, mas sempre vale a pena porque a Shell é uma parceira fantástica e é um prazer participar dessas atividades.

Não sei a que horas terminará a gravação, mas sei que vou dormir pouco porque amanhã vou logo no período da manhã para Indianapolis. É chegar e já sair correndo porque tenho compromissos no período da tarde e noite. A agenda da quinta também está lotada porque começarão os treinos para a quinta etapa do Verizon IndyCar Series, o 2016 Angie’s List Grand Prix of Indianapolis.

Serão três treinos livres antes do Qualifying, que acontece na sexta. A corrida de 82 voltas pelo misto de Indianapolis tem largada marcada para as 16h45, no horário do Brasil. Depois de toda a programação, no sábado mesmo começam os trabalhos para dotar o circuito para a configuração de oval porque os treinos para a 100ª Indy 500, que será disputada no dia 29 de maio, já começarão na segunda-feira, 16. Enquanto os responsáveis pela pista estarão bem ocupados, nas equipes não será diferente. No meu caso específico, meu pessoal do Team Penske terá um dia apenas para mudar todo o visual do carro #3. É que no Grand Prix eu vou de Verizon. Já na Indy 500 estarei de Yellow Submarine, que são as cores da Pennzoil. É trabalho que não acaba mais. Mas é justamente isso que faz do mês de maio algo tão especial.

Desde 2001, ano após ano, tenho tido o privilégio de viver intensamente esse mês de maio em Indianapolis. A minha história se confunde com esse lugar e vou fazer o meu melhor para que eu possa reviver alguns dos momentos inesquecíveis que já vivi no Indianapolis Motor Speedway.

É isso aí, pessoal. Forte abraço e até semana que vem, já em plena preparação para a Indy 500.

Helio Castroneves, 40, nasceu em São Paulo e foi criado em Ribeirão Preto. É o piloto brasileiro com mais vitórias na Indy, com 27 conquistas, e venceu três edições da Indy 500 (2001, 2002 e 2009). Disputa em 2016 sua 19ª temporada na categoria e 17ª pelo Team Penske.  

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos