Ciência e Tecnologia

Dormir e trabalhar ao mesmo tempo: startup trabalha em dispositivo para induzir sonhos lúcidos e planeja lançá-lo em breve

Você pagaria por um ‘Halo’?

propheticai.co

Os sonhos lúcidos são definidos como um tipo de sonho em que a pessoa tem consciência de que está dormindo. São experiências que não ocorrem com muita frequência e geralmente deixam uma marca na pessoa que as vivencia.

A partir dessa premissa é que a startup Prophetic decidiu estudar os sonhos lúcidos e como são gerados.

O resultado? Um dispositivo revolucionário chamado ‘Halo’, projetado para transformar nossas noites de sono em sessões de produtividade, permitindo controlar ativamente o que se experimenta enquanto se dorme.

O ‘Halo’ de Prophetic

A proposta da Prophetic visa permitir que os usuários avancem em projetos e atividades enquanto o corpo descansa.

Na prática, ‘Halo’ é uma espécie de faixa que utiliza uma avançada combinação de ultrassom e inteligência artificial.

Usando dados de eletroencefalografias e imagens de ressonância magnética funcional, o aparelho é capaz de detectar a fase REM do sono e assim induzir sonhos lúcidos de forma efetiva.

O design e fabricação, por sua vez, ficou a cargo de Afshin Mehin, conhecida por seu trabalho na Neuralink N1.

Este dispositivo, de acordo com a Fortune, está programado para ser lançado no mercado no início de 2025, embora seu preço possa ser alto, chegando a custar até US$ 2 mil. Vale a pena o preço? Ainda está por ser visto.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos