Social

Ela obrigou o marido a vender os videogames para pagar seus ‘desejos de grávida’

Por conta dos desejos que estão surgindo durante a gravidez, ela afirmou que o marido terá que vender seus videogames para pagar a conta do mercado.

Um homem está passando por uma situação complicada depois que os desejos de gravidez da sua esposa fizeram as contas do casal extrapolarem o limite. Segundo ele, após a companheira saber do aumento dos gastos ela sugeriu a ele que vendesse seus videogames e sua bicicleta para cobrir os valores.

Conforme a publicação realizada pelo The Mirror, o homem foi até o Reddit para compartilhar sua situação e pedir a opinião de outras pessoas. Segundo ele, os gastos semanais com comida que eram de 50 libras (aproximadamente R$373), agora estão estimados em 124 libras (R$798) para conseguir sanar os desejos da esposa grávida.

Ele ainda conta que o casal tomou algumas atitudes par reduzir os gastos, como deixar de comer em restaurantes e fazer pedidos em delivery, mas a esposa ainda insiste em satisfazer todos os seus desejos.

Descrevendo a situação, ele explica que ao todo são aproximadamente 35 libras (R$225) gastos somente com abacates por semana. Além de 3 abacates por dia, a mulher ainda passou a comer ao menos 1 bife, mirtilos, cerejas e salmão.

Ele está preocupado com as contas

Preocupado com o aumento repentino nos gastos, o homem decidiu compartilhar suas preocupações com a esposa, que disse a ele para vender seus videogames e sua bicicleta para poder pagar por seus desejos.

“Eu tenho apenas alguns jogos, pois já vendi a maioria, e minha bicicleta. Não acho justo eu vender tudo o que amo quando ela pode se contentar com alimentos mais baratos e colaborar de outras formas para economizar”, desabafa o homem.

“Tivemos algumas brigas por causa disso e tenho receio de que o estresse prejudique o bebê, mas não consigo pagar a conta do supermercado”, finaliza.

Leia também: Ela está obrigando a amiga a trocar o nome do cachorro por causa de sua filha

Para os usuários do Reddit, ele precisa ficar esperto com a situação: “Desejos são uma coisa, insistir que você venda seus bens para manter o padrão de alimentação de luxo dela é outra. Ou ela diminui o padrão ou começa a vender as coisas dela para pagar pelos abacates”.

“Ela é totalmente irracional em esperar que a família viva fora de seu padrão para poder bancar seus luxos. Vender seus itens de hobby para bancar os desejos dela é fora dos limites. Ela pode agir de forma moderada, gravidez não é desculpa para irresponsabilidade com dinheiro, principalmente com uma criança a caminho”, afirma outra pessoa.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos