logo

O caso de uma  mulher de 94 anos, moradora de Lecco, cidade da Itália, ganhou recentemente as redes e tem comovido diversos internautas. Se você está se questionando o que aconteceu, a idosa comunicou um falso roubo à polícia, pois se sentia muito sozinha.

“Sofri um roubo. Por favor, venham rápido. Tenho medo”, dizia a ligação de Ersilia, que rapidamente teve sua solicitação atendida e uma patrulha direcionada à sua residência.

Ao chegar ao local, os policiais notaram que de fato não tinha acontecido nenhum roubo. “Ela se sentia sozinha, queria alguém com quem conversar. Nós ficamos com ela, a encorajamos e a confortamos”, disse um dos oficiais.

Leia também estas notícias:

Em pouco tempo de conversa com a senhora, os oficiais descobriram que ela morava sozinha “porque não tem parentes próximos que possam ficar com ela”.

Para evitar qualquer risco à idosa, dias depois ela foi encaminhada para um asilo e recebeu na manhã seguinte após sua chegada, a visita dos oficiais que estiveram anteriormente em sua casa. Nesta ocasião, eles levaram um bolo para passar um tempo com Ersilia.

Depois desta visita, a mulher voltou a ligar para a central de denúncias, porém desta vez por um motivo diferente: “Estou procurando Antonio e Carmelo. Preparei uma sobremesa para eles. Pode dizer se eles vêm me ver?”, perguntou a senhora. E eles realmente foram. “A patrulha a alcançou depois de alguns minutos. ‘Esteja sempre presente’ é nosso lema, especialmente nessas ocasiões”, relatou o delegado Alfredo D’Agostino. (Com Mega Notícias).

Além da história desta mulher, o que acha de conferir mais uma notícia?