logo
/ Reprodução / Clarín
Social 29/11/2020

URGENTE: ex-médico de Maradona é acusado de homicídio culposo pela morte do jogador

Leopoldo Luque, ex-médico de Diego Maradona, foi acusado de homicídio culposo pela morte do jogador de futebol. A promotoria de San Isidro, em Buenos Aires, deu ordem para revistar sua casa e seu consultório.

Segundo o La Nación, as batidas foram realizadas na madrugada deste domingo, logo após uma declaração das filhas de Maradona. As três pediram uma revisão nos medicamentos que Luque o prescreveu nos últimos meses.

VEJA MAIS:
◦ Argentinos propõem criação de nova nota de 10 pesos estampada com rosto de Maradona
◦ Vídeo: ‘Gol do Século’ de Maradona completa 34 anos

Está sendo investigada uma possível negligência por parte do profissional de saúde de 39 anos depois da operação de um hematoma no cérebro que o ídolo argentino fez. Dalma, Gianinna y Jana Maradona também acusam Luque de ter dado alta prematuramente ao seu pai.

A justiça argentina também estaria procurando o histórico médico preparado por Luque. É possível que seu telefone celular seja apreendido para investigar com quem ele teve contato nos dias anteriores à morte de Maradona.