logo
/ Reprodução / via Publimetro Chile / Reprodução / via Publimetro Chile
Social 26/10/2020

Chile se despede da Constituição de Augusto Pinochet após plebiscito histórico

Em um plesbicito histórico com aprovação de 78,27%, com 99,85% das urnas apuradas, os chilenos decidiram que o país terá uma nova Constituição, enterrando assim a antiga que data da ditadura de Augusto Pinochet, que perdurou entre 1973 e 1990.

A proposta de uma nova Constituição surgiu com os protestos que mobilizam todo o país desde outubro de 2019. Após o aumento no preço de 30 pesos na passagem de metrô, manifestações massivas reuniram chilenos descontentes com a política atual e com objetivo de reivindicar melhores condições socioeconômicas para todos.

Confira mais notícias:

De acordo com o Publimetro Chile, o presidente Sebastián Piñera acompanhou o processo minuto a minuto e, pouco depois das 21 horas da noite de domingo (25), levantou a voz: “Os chilenos elegeram uma Convenção Constituinte, pela primeira vez em plena igualdade, para chegar a uma Nova Constituição para o Chile”. Para ele, triunfou a cidadania e “todos os chilenos que amam a democracia, a unidade e a paz”.

O país viveu um momento de comemoração. Confira alguns vídeos: