Foco

Jogadora de basquete norte-americana pega 9 anos de prisão na Rússia; EUA propõe troca de prisioneiros

Britney Griner foi condenada por transportar cartuchos de vape com óleo de cannabis

Jogadora da WNBA Britney Griner durante julgamento na Rússia

A estrela da WNBA Britney Griner foi condenada nesta quinta-feira a uma pena de nove anos de prisão por uma corte russa sob acusação de porte de drogas e contrabando. El também terá que pagar uma multa de 1 milhão de rublos, ou cerca de R$ 85,8 mil.

A jogadora de basquete norte-americana de 31 anos foi presa em fevereiro ao desembarcar no aeroporto de Moscou com cartuchos de vape contendo óleo de cannabis, considerado ilegal no país.

Durante o julgamento, ela se declarou culpada pelo transporte da substância, mas negou que estivesse fazendo tráfico de entorpecentes e disse que foi apenas um descuido.

“Eu cometi um erro honesto e espero que, em sua decisão, isso não acabe com minha vida aqui”, disse Griner no tribunal antes de cair em lágrimas. “Meus pais me ensinaram duas coisas importantes: uma, assumir responsabilidades e duas, trabalhar duro por tudo o que você tem. É por isso que me declarei culpada das acusações”, disse durante o julgamento.

LEIA TAMBÉM: Homem é preso por manter mãe de 70 anos refém; ela estava desnutrida e com sinais de maus-tratos

Com a crise da invasão russa da Ucrânia e o apoio norte-americano ao país invadido, o caso ganhou uma dimensão geopolítica e os Estados Unidos propôs à Rússia uma troca de prisioneiros para libertar a atleta e outro norte-americano detido no país. Em troca, os Estados Unidos ofereceu libertar um russo condenado por tráfico de armas que cumpre pena de 25 anos.

O presidente dos EUA, Joe Biden, se pronunciou oficialmente sobre o caso e disse que a detenção da jogadora é injusta e inaceitável.

Griner é considerada uma das melhores jogadoras de basquete do mundo, sendo por duas vezes medalha de ouro olímpica, e uma das estrelas da WNBA, a liga de basquete feminino dos Estados Unidos.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos