Foco

Polícia diz que cantora Marília Mendonça morreu de politraumatismo

Laudo indica que mortes aconteceram apenas depois que todos os ocupantes da aeronave já estavam no chão

Luto: Marília Mendonça morreu aos 26 anos em acidente aéreo nesta tarde

A Polícia Civil de Minas Gerais confirmou que a cantora Marília Mendonça, vítima de um acidente aéreo em Caratinga no último dia 5, morreu de politraumatismo.

A causa da morte também foi confirmada para os demais ocupantes da aeronave - o piloto, Geraldo Medeiros; o copiloto, Tarciso Viana; o produtor Henrique Ribeiro; e o tio e assessor, Abicieli Silveira Dias Filho.

LEIA TAMBÉM:

Segundo conclusões do laudo, os óbitos aconteceram apenas depois que todos já estavam no chão, por conta do impacto com o solo.

Os exames periciais divulgados pelo delegado Ivan Lopes Sales também revelaram que piloto e copiloto não apresentaram problemas de saúde no dia do acidente.

O delegado disse ainda que a conclusão sobre as causas da queda depende dos laudos do Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos). Não há prazo definido.

A polícia trabalha com duas linhas de investigação até o momento. A primeira dá conta de que as linhas de distribuição de uma torre da Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) teriam ocasionado o acidente. Já a segunda indica a possibilidade de pane nos motores.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos