logo
Foco
/ Alessandro Valle/Abcdigipress / Alessandro Valle/Abcdigipress
Foco 10/09/2021

Seis cidades do ABC Paulista decidem prorrogar restrições ao comércio até 30 de setembro

Apenas São Caetano segue SP, que encerrou quarentena em 17 de agosto.

Por : Metro World News

Seis das sete cidades do ABC Paulista decidiram, nesta sexta-feira (10), manter as restrições de horários e capacidade de ocupação dos comércios até o próximo dia 30 de setembro. Apenas São Caetano do Sul optou por seguir o Plano São Paulo, que já encerrou a quarentena desde 17 de agosto.

Durante reunião na sede do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, com a presença do prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, os administradores de Santo André, Diadema, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, e os vice-prefeitos de São Bernardo e Mauá, decidiram manter as restrições como prevenção à covid-19.

Leia também:

Sendo assim, os estabelecimentos dessas cidades seguirão operando com 80% da capacidade e horário de funcionamento das 6h até a meia-noite. Apenas São Bernardo do Campo continua com regras mais rígidas, sendo liberada a capacidade máxima do comércio em 60% e funcionamento até 23h.

Na última reunião, realizada no dia 26 de agosto, as cidades tinham optado por manter as restrições até dia 15 de setembro. No entanto, hoje optaram por prorrogá-las mais uma vez até o dia 30 de setembro.

Os prefeitos dizem que a intenção é esperar que 70% da população seja imunizada com as duas doses da vacina contra a covid-19 antes de flexibilizar as atividades.

Doses de reforço das vacinas

Durante a reunião desta sexta-feira, os prefeitos do ABC Paulista também decidiram que serão utilizadas as vacinas contra covid-19 que estiverem disponíveis nos postos para a dose de reforço dos idosos. Algumas cidades da região metropolitana chegaram a suspender a aplicação devido a um impasse entre os governos federal e estadual.

O Governo de São Paulo indicou que deve ser aplicada a vacina disponível. Já o Ministério da Saúde determinou que a imunização seja feita preferencialmente com uma dose da Pfizer.

Aproximação com a capital

O município de São Paulo formalizou hoje a sua participação no Consórcio Intermunicipal Grande ABC. O presidente da entidade destacou que a maior aproximação da região com a Capital vai facilitar a viabilização de iniciativas em conjunto.

“Nosso objetivo é ampliar a integração das sete cidades com a capital, consolidando o Consórcio ABC como órgão de governança regional. Com a participação de São Paulo, podemos sintonizar políticas públicas para melhorar o dia a dia nossa gente em temas comuns como transporte e drenagem”, afirmou Paulo Serra.

O prefeito de São Paulo ressaltou que a formalização da parceria fortalece a união entre os municípios. “Vamos discutir políticas públicas tanto para o Grande ABC quanto para a cidade de São Paulo e compartilhar muitas experiências. Temos muito para contribuir, principalmente no pós-pandemia”, disse Ricardo Nunes.