logo
Foco
Vacinação contra covid-19 / Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência BrasilVacinação contra covid-19 / Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Foco 01/09/2021

Com Passaporte da Vacina, e-saúdeSP registra 37 mil cadastros em 1 dia

Passaporte passa a ser exigido a partir de hoje

Por : Agência Brasil

O aplicativo e-saúdeSP registrou ontem (31) 37 mil novos cadastros, após o lançamento do Passaporte da Vacina, que passa a ser exigido a partir desta quarta-feira (1º). A plataforma, que reúne todo o histórico do paciente do Sistema Único de Saúde (SUS) na capital paulista e oferece recursos de telemedicina, contabiliza até agora 611.148 usuários cadastrados.

Disponibilizado pela Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo desde agosto do ano passado, o e-saúdeSP acumula mais de 2,6 milhões de acessos até o momento.

Leia também:

Saiba quem pode se beneficiar da Tarifa Social na conta de luz e como solicitá-la

MPF tenta reverter decisão que rejeitou denúncia contra Lula no caso do sítio de Atibaia

Idosa é presa suspeita de matar, esquartejar e concretar o corpo do marido em casa, em MG

O aplicativo gratuito está disponível na Google Store (para celular androide) ou App Store (iOS). Para baixar o e-saúdeSP, é necessário aceitar os termos de uso e fazer um cadastro com o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), data de nascimento, nome completo, e-mail, telefone com DDD e criar uma senha.

O aplicativo também está disponível no site da prefeitura, que também fez um tutorial, para auxiliar o usuário.

Passaporte da Vacina

Além de diversas funcionalidades do aplicativo, há um ícone chamado Passaporte da Vacina, que dá acesso ao comprovante de vacinação contra a covid-19 e a um QR Code. Com esse código, os organizadores de eventos poderão checar o registro de vacinas do usuário, que deverá ter ao menos uma dose para ingressar nos espaços.

De acordo com decreto publicado no Diário Oficial do Município no último sábado (28), eventos como shows, feiras, congressos e jogos, com público acima de 500 pessoas, devem exigir comprovante de vacinação contra covid-19.

A comprovação da condição vacinal também poderá ser feita por registro físico, com apresentação do comprovante de vacinação, ou de forma digital disponível ainda nos aplicativos Poupatempo Digital, do governo do Estado e ConectSUS, do governo Federal.