Foco

Policiais salvam vítima de sequestro relâmpago em porta-malas de carro em chamas, em MS

Motorista de aplicativo foi chamado para corrida e depois rendido por criminosos.

Vítima de sequestro relâmpago foi salva de carro em chamas, no MS

Um motorista de aplicativo, que foi vítima de um sequestro relâmpago, em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, foi salvo por policiais militares momentos antes de seu carro ser totalmente destruído por um incêndio. Ele estava preso no porta-malas.

O caso aconteceu na madrugada desta quinta-feira (5). Segundo o boletim de ocorrência, o motorista, de 46 anos, recebeu uma solicitação de corrida pelo aplicativo na noite anterior e seguiu para buscar a passageira em um shopping da cidade. Ao chegar no local, a mulher disse que dois rapazes seguiram viagem com ela.

Leia também:

  1. VÍDEO: Menino sai caminhando após ser atacado por cão pitbull na Bahia
  2. Cliente de bar joga rojão em bebê de 6 meses após ser questionado por não usar máscara, em Goiás
  3. Taxa de ocupação para leitos de UTI Covid está abaixo dos 40%, diz Capital

A passageira afirmou ao motorista que os três seriam deixados em um motel, mas, quando se aproximaram do destino, ela pediu para o condutor fazer um desvio. Neste momento, a vítima foi rendida pelos rapazes, vendada e colocada no porta-malas do carro.

Um dos criminosos assumiu a direção do veículo e eles passaram a dar voltas na região durante a madrugada. No entanto, o condutor se assustou ao ver viaturas da Polícia Militar que faziam rondas e começou a circular em zigue-zague. Foi quando o carro acessou o canteiro central da Avenida Ministro João Arinos e colidiu contra uma vala de proteção.

Os policiais militares fizeram a abordagem e, enquanto era feita uma vistoria, o veículo começou a pegar fogo. Foi quando um dos agentes ouviu pedidos de socorro e percebeu que tinha uma mão no vidro traseiro. Eles correram e conseguiram retirar o motorista, antes que o carro fosse completamente tomado pelas chamas.

Os dois rapazes, de 18 e 29 anos, foram presos em flagrante. Já a mulher conseguiu fugir.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos