Foco

Filho de Bruno Covas rebate fala de Bolsonaro: ‘covarde’

Ontem, o mandatário se referiu ao ex-prefeito como ‘o outro, que morreu, fecha São Paulo e vai assistir a Palmeiras e Santos no Maracanã’

O filho do ex-prefeito de São Paulo Bruno Covas, Tomás Covas, rebateu nesta terça-feira (dia 3) a fala do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre o pai. Ontem, o mandatário se referiu a ele como “o outro, que morreu, fecha São Paulo e vai assistir a Palmeiras e Santos no Maracanã”.

Tomás disse que Bolsonaro fez uma fala «covarde» por atacar quem já não pode mais se defender. As informações são da jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo.

Leia também:

SP: abertas inscrições para mais de 12 mil vagas em cursos profissionalizantes gratuitos para jovens

Covid-19: Prefeitura de SP anuncia vacinação do público de 25 anos na próxima sexta-feira

Governo de São Paulo anuncia ampliação do programa Vale Gás; saiba quem pode se beneficiar

«Lamento a fala dita hoje pelo incompetente e negacionista presidente Bolsonaro. Em uma fala covarde hoje durante a tarde, ele atacou quem não está mais aqui conosco, não dando o direito de resposta ao meu pai. Além disso, cumprimos com todos os protocolos no estádio do Maracanã, utilizando a máscara e sentando apenas nas cadeiras permitidas», afirmou o adolescente à coluna.

«Uma tristeza as agressões vazias do presidente contra meu pai. Não é certo atacar quem não está mais aqui para se defender. Meu pai sempre foi um homem sério e fez questão de me levar ao Maracanã no fim da sua vida para curtirmos seus últimos momentos juntos. Isso é amor! Bolsonaro nunca entenderá esse sentimento», finalizou.

Na ocasião citada por Bolsonaro, Bruno Covas levou Tomás para acompanhar a final da Taça Libertadores da América. Depois de algumas semana, o ex-prefeito morreu.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos