logo
Foco
 /
Foco 28/07/2021

Tóquio bate recorde de casos de covid-19

A cidade de Tóquio, capital do Japão, bateu ontem seu recorde de novos casos de covid-19 reportados em um único dia: foram 2.848 registros. O número mais alto até então havia sido computado em 15 de janeiro, quando 2.044 pessoas testaram positivo para a doença no país asiático. 

Durante toda a pandemia de covid-19, que ganhou força no mundo em março de 2020, o Japão conseguiu evitar grandes surtos sofridos por outras nações como Índia, Brasil e Estados Unidos. No entanto, com o ritmo lento de vacinação, as taxas de contaminação têm aumentado por lá.  

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Segundo dados da plataforma Our World In Data, da Universidade de Oxford, apenas 25,6% da população japonesa foi totalmente imunizada contra a covid-19. Outros 11,4% receberam ao menos uma dose das vacinas disponíveis no país. 

Especialistas explicam que fatores sazonais como o clima quente e o aumento de mobilidade também podem ter contribuído para os números atuais.

De acordo com autoridades locais ouvidas pelo jornal britânico The Guardian, cerca de 12 mil pacientes com covid-19 foram internados em Tóquio no domingo, o que levou hospitais a prepararem mais leitos para atender a demanda. Segundo a emissora japonesa TBS, a expectativa é que os leitos aumentem de 5.967 para
6,4 mil no próximo mês. Além disso, hospitais japoneses já consideram adiar cirurgias eletivas.

De olho na Olimpíada

Por causa da pandemia, a Olimpíada de Tóquio, marcada para 2020 e adiada para este ano, foi motivo de debates nos últimos meses. 

Temendo o risco de contágio do novo coronavírus com a entrada de atletas de mais de 200 países, muitos japoneses defendiam uma nova data ou até mesmo o cancelamento do evento.

O país registrou, inclusive, manifestações nas ruas da capital contra a realização dos jogos. Mas, apesar da recente alta de casos, especialistas apontam que o recorde de novos infectados pode não estar ligado ao evento esportivo. 

Até o momento, o Comitê dos Jogos de Tóquio reportou que 155 pessoas ligadas ao evento foram diagnosticadas com covid-19, duas delas ontem. Durante a Olimpíada, membros das delegações passam por testes diários e todos os eventos são realizados sem a participação do público geral.