logo
/ Fotoarena/Folhapress / Fotoarena/Folhapress
Foco 20/07/2021

Cidade de São Paulo pode bater novo recorde de frio na madrugada de quarta-feira

Previsão indica que termômetros subam ao longo do dia chegando a 23ºC

O frio continua na cidade de São Paulo e a capital pode registrar um novo recorde de frio na madrugada desta quarta-feira (21). De acordo com o Climatempo, a previsão é que os termômetros fiquem abaixo dos 6ºC.

A temperatura mais baixa na capital foi 5,7ºC, registrada na madrugada desta terça-feira (20), segundo medição realizada pelo Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), no Mirante de Santana, na zona norte da capital paulista.

Leia também:

Para esta quarta-feira, a previsão é que ao longo do dia esquente um pouco mais, já que a máxima deve chegar a 23ºC. O dia será ensolarado e a noite será de céu limpo. Já a umidade do ar fica entre 14% e 68%.

Ainda de acordo com a previsão do Climatempo, o sol nasce às 6h47 e se põe às 17h39.

Próximos dias

A forte massa de ar frio de origem polar que entrou no Brasil derrubou a temperatura no centro-sul do Brasil e várias capitais estabeleceram novas marcas de recorde de frio para este ano.

O centro da massa de ar frio, que é a região mais fria do sistema, começa a se deslocar para o oceano nesta quarta-feira, mas ainda estará bastante próximo do continente, o que mantém muito o ar frio sobre o Sul e Sudeste. Algumas capitais do Sudeste poderão ter novos recordes de frio.

No entanto, segundo o Climatempo, a tendência é de aquecimento nos próximos dias, com tardes cada vez mais agradáveis. As madrugadas também vão ficar menos geladas, mas até o domingo, o paulistano, toda a população da Grande São Paulo ainda vai conviver com temperaturas em torno do 10°C ao amanhecer.

Geada

A queda de temperatura prevista na semana passada pelo Sistema Nacional de Meteorologia (SNM) se confirmou e provocou geadas e temperaturas negativas no sul do país nesta terça-feira. A tendência apontada pelos meteorologistas é de que o frio continue “intenso” até quarta-feira em grande parte do Brasil, principalmente nas madrugadas, devido à “massa de ar frio de origem polar bastante seca”.

Em nota, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) informa que na segunda-feira (19), no Sul do Brasil, a menor temperatura foi registrada em General Carneiro, no sul do Paraná: -5,2°C. Até então, a menor temperatura do ano havia sido registrada no dia 29 de junho (-3,9°C).

Foram também registradas temperaturas negativas no planalto sul catarinense e no sul do Paraná. Em Bom Jardim da Serra (SC), a temperatura ficou em -4,3°C. Em Inácio Martins (PR), a temperatura chegou a -2,4°C. Localizada na Área noroeste do Rio Grande do Sul, Santa Rosa registrou -1,8°C.