logo
/ Reprodução / Reprodução
Foco 06/07/2021

Jovem brasileiro é espancado até a morte por ser homossexual na Espanha; crime de espancamento coletivo chocou o país

Por : Metro World News

Grande indignação causou o assassinato brutal do jovem brasileiro Samuel Luiz Muñiz, de 24 anos, na Espanha. 

O rapaz foi espancado de forma por um grupo de homens, que também o agrediu verbalmente  por ser homossexual. 

Depois de ferir gravemente Muñiz no corpo e na cabeça durante o espancamento violento, ocorrido na madrugada de sábado (3), os sujeitos o deixaram ferido no meio da rua e fugiram do local, informou o Infobae. 

Embora os serviços médicos tenham passado duas horas tentando reanimar Samuel, os esforços não puderam salvar o jovem, que foi declarado morto no hospital.

Segundo testemunhas, o espancamento ocorreu na entrada de uma boate. Uma amiga de Samuel alegou que ele estava parado em frente ao local fazendo uma videochamada. 

Jovem brasileiro é espancado até a morte por ser homossexual na Espanha; crime de espancamento coletivo chocou o país

Enquanto segurava o telefone, um estranho pensou que Muñiz estava gravando, como detalhado pelo site Meganoticias.

LEIA TAMBÉM: Casal de lésbicas é espancado por grupo que queria obrigá-las a se beijar para ‘entretenimento masculino’

Por esse motivo, um dos homens iniciou a discussão e o golpeou primeiro. Mais tarde, o resto do grupo também se juntou ao espancamento e acabou ferindo Muñiz gravemente. 

Outras testemunhas asseguraram que o grupo que matou Samuel era formado por vários homens, que gritaram “bicha” ao espancá-lo, razão pela qual seus amigos e familiares indicaram que se tratava de um ato de homofobia. O crime gerou revolta no país.

Jovem brasileiro é espancado até a morte por ser homossexual na Espanha
Reprodução

Em atualização

LEIA TAMBÉM: