logo
 /
Foco 02/07/2021

São Paulo inicia nesta sexta-feira ‘repescagem’ do grupo entre 42 e 46 anos

Por : Metro World News

As Unidades Básicas de Saúde (UBS) de São Paulo estarão atendendo nesta sexta-feira pessoas na faixa dos 42 e 46 anos que perderam o dia definido pela Secretaria Municipal de Saúde para receberem a primeira dose da vacina contra covid-19.

Nesta sexta-feira, todas as 468 UBSs estarão funcionando para atender a essa faixa de público e outras que perderam a primeira dose, e a partir de segunda-feira São Paulo abre a vacinação para a população a partir de 41 anos, público estimado em 132 mil pessoas.

Para se vacinar, o morador deverá apresentar um comprovante de residência da cidade de São Paulo, um documento de identificação, preferencialmente CPF e o cartão do SUS (Sistema Único de Saúde). No caso do comprovante de residência, serão aceitos em nome de cônjuges, companheiros, pais e filhos, desde que apresentado um documento que comprove parentesco.

LEIA TAMBÉM: Outro prédio desaba nos Estados Unidos

Pré-Cadastro e De Olho na Fila

Uma das principais preocupações das autoridades médicas é que a aglomeração das pessoas nos postos em busca de vacina acabe contribuindo para disseminar ainda mais o coronavírus, por isso foram criados em São Paulo o site Vacina Já, onde o cidadão realiza um pré-cadastro que agiliza o atendimento nos postos na hora da imunização e o De Olho na Fila, que mostra a situação das filas de vacinação em cada um dos postos da Capital, possibilitando que o morador possa escolher o horário mais vazio para tomar a sua dose do imunizante.

Escolha da Vacina

A Secretaria Municipal de Saúde ressalta que todas as vacinas disponíveis nos postos foram aprovadas pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e pela OMS (Organização Mundial da Saúde), por isso as pessoas não devem escolher os imunizantes para se vacinarem.

Onde se Vacinar

Confira a lista completa de postos de saúde de São Paulo no site Vacina Sampa.