Foco

Imagens mostram destruição da erupção do vulcão Nyiragongo; mais de 30 mortos já foram encontrados

Os terremotos continuam e são cada vez mais intensos.

vulcao

O solo começou a esfriar após a erupção do vulcão Nyiragongo no último sábado (22), na cidade de Goma, no leste da República Democrática do Congo, e as equipes de resgate conseguiram identificar mais de 30 mortos.

A maioria das vítimas encontradas teve como causa de morte queimaduras causadas pela lava ou sufocamento devido aos gases tóxicos emitidos pelo vulcão.

De acordo com o portal de notícias regional Actualité, os terremotos continuam e são cada vez mais intensos, fazendo muitas pessoas perderem suas casas. Em total, cerca de 5 mil pessoas perderam suas casas.

O equilíbrio entre danos e perdas humanas cresce, enquanto cortes de energia que afetam 60% da população da cidade, que também enfrenta problemas no abastecimento de água devido aos danos materiais causados ​​por rios de lava.

O Secretário-Geral das Nações Unidas, António Guterres, lamentou as mortes e os danos causados ​​pela erupção do vulcão , enquanto a ONU presta assistência humanitária.

Confira mais:

  1. Vídeo que mostra idosa ganhando batalha contra cobra venenosa se torna viral nas redes sociais
  2. Vídeo mostra encontro de youtuber com grande Cobra do Mar extremamente venenosa
  3. Sobrenatural: Médicos compartilham relatos de dar medo no Twitter
  4. Horóscopo do amor da semana: Previsões de 24 a 28 de maio de 2021

Guterres transmitiu, por meio de uma declaração emitida por seu porta-voz, Stéphane Dujarric, suas «mais profundas condolências às famílias das pessoas afetadas e ao Governo e ao povo da República Democrática do Congo».

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos