logo

O Estado de São Paulo registrou nesta terça-feira (dia 20) 89.650 mortes e 2.769.360 casos de covid-19.

Entre os infectados, 2.423.528 estão recuperados e, desse total, 282.003 estiveram internados e receberam alta hospitalar.

Leia também:

Dafiti abre mais de 160 vagas de emprego; confira

Pesquisa mostra taxa maior de infecção de animais pela covid-19

Feriado em São Paulo tem previsão do chuva, segundo Climatempo

O número de internações segue em declínio, registrando hoje 23.469 pessoas hospitalizadas, sendo 11.131 em leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 12.338 em enfermaria.

As taxas de ocupação dos leitos de UTI são de 79,2% na Grande São Paulo e 81,1% no Estado.

Fase de Transição

Começou nesta semana a Fase de Transição do Plano São Paulo. Trata-se de um relaxamento das medidas de restrição da Fase Vermelha com reabertura do comércio, igrejas, salões de beleza, academias e serviços em todo Estado.

A reabertura será realizada em duas fases e terá uma regra única. A partir deste domingo (dia 18), o comércio tem autorização para reabrir entre 11h e 19h. As igrejas também abrem as portas, mas com restrições e medidas de proteção. Todos os estabelecimentos não poderão ultrapassar o limite de 25% de ocupação.

No próximo sábado (dia 24), a reabertura é estendida para restaurantes e afins, salões de beleza, barbeiros e atividades cultuais, também das 11h às 19h, e academias, das 7h às 11h e das 15h às 19h.

As novas medidas do Plano de Transição também permitem a reabertura e parques, clubes e museus em São Paulo.

O toque de recolher noturno continuará em vigor. O governo voltou a pedir que os empresários façam escalonamento de horário entre seus funcionários para evitar aglomerações no transporte público.