logo
/ Luiz Santos/Photo Press/Folhapress
Foco 10/04/2021

Com toda a população vacinada, Serrana não registrou mais nenhuma intubação

Cidade foi escolhida para testar vacinação em massa

Escolhida para testar a efetividade da vacinação contra a covid-19 na “vida real”, a cidade de Serrana, no interior de São Paulo, que teve quase toda sua população vacinada no projeto S, do Instituto Butantan, não registra nenhuma intubação de paciente em UTI desde o último final de semana.

De acordo com Vigilância Epidemiológica da cidade, a cidade tinha uma média de 60 atendimentos de pessoas com covid-19 ou com suspeita da doença em março. Desde a última sexta-feira, esse número caiu para 20.

A cidade também não teve mais nenhum paciente intubado entre os moradores desde o final de semana passada e zerou a fila do Cross, sistema que busca vagas para internação de pacientes com covid-19 em UTI.

Embora ainda seja cedo para comemorar, as autoridades de saúde acreditam que esses podem ser os primeiros sinais da ação da vacinação em massa realizada em Serrana.

LEIA TAMBÉM:

Mega-Sena pode pagar R$ 27 milhões neste sábado

Projeto S

O projeto S do Instituto Butantan consiste em vacinar os cerca de 30 mil moradores de Serrana com a primeira e a segunda dose da CoronaVac.

A iniciativa permite que o Butantan investigue a eficiência da vacina na contenção e diminuição da transmissibilidade do coronavírus, não em moldes clínicos, em laboratório, nas em uma população real e verificar o impacto epidemiológico na contenção da pandemia.