logo

O Metrô de São Paulo está pedindo doações de produtos antivirais para aplicação no interior de seus trens.

Desde a última quarta-feira, a companhia tem feito o apelo em seu site a empresas que puderem contribuir.

Em nota, o Metrô afirmou que o chamamento público possibilitará conhecer e testar novos antivirais, que podem aumentar o tempo de desinfecção.

Interessados devem entrar em contato com o Metrô, mais especificamente com o setor de Gerência de Manutenção, pelos telefones (11) 5060-4230 ou 5060-4231.

Transporte público e pandemia

Dentro da Fase Emergencial do Plano São Paulo, o governo do Estado fez algumas recomendações, como o escalonamento do horário de entrada de funcionários da indústria (das 5h às 7h), do comércio (das 9h às 11h) e do setor de serviços (das 7h às 9h). O objetivo é evitar aglomerações no Metrô, CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e ônibus e, assim, tentar frear o avanço da Covid-19.

Além da sugestão quanto à mobilidade urbana, o governo restringiu ainda mais o funcionamento de alguns estabelecimentos. Catorze atividades comerciais foram afetadas.

Assim, serviços de retirada de alimentos, celebrações religiosas coletivas, atividades esportivas e lojas de material para construção, entre outras, têm suas atividades proibidas nesse período.

A Fase Emergencial determina ainda a ampliação do toque de recolher, que agora passa a valer entre 20h e 5h. Todas as aglomerações e o uso de todos os parques públicos no Estado também estão proibidos.

Nesta etapa, apenas os serviços de delivery e drive-thru podem continuar funcionando normalmente.

Além disso, o uso de máscara em ambientes internos, inclusive entre familiares de residências diferentes, é prudente, assim como a redução das atividades presenciais nas escolas ao mínimo possível.

De acordo com o governo, as medidas provocam a remoção temporária de 4 milhões de pessoas de circulação nos municípios.

A Fase Emergencial foi prorrogada até o dia 11 de abril. A previsão inicial era de que a medida terminasse no dia 30 de março.