Prefeitura de São Bernardo, na Grande São Paulo, determina toque de recolher

Por Metro World News

A Prefeitura de São Bernardo do Campo, município na Grande São Paulo, anunciou nesta segunda-feira (dia 22) que instituirá toque de recolher entre 22h e 5h a partir de sábado.

Poderão funcionar somente hospitais e farmácias neste horário. Nem mesmos ônibus estarão em circulação.

Leia também: 

A decisão foi tomada após o aumento do número de mortes ocasionas pela Covid-19. Hoje o município chegou a 1.489 óbitos. A ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) também foi sinal de alerta: 87% na rede pública e 95% na privada.

Escolas

A administração municipal suspendeu o retorno das aulas presenciais na rede pública de ensino, tanto escolas municipais como estaduais. A previsão agora é que os alunos retornem às escolas somente no dia 15 de março.

As aulas da rede particular também ficam suspensas a partir do dia 1º do mês que vem.

Confira nota da Prefeitura:

"A Prefeitura de São Bernardo comunica que, por decisão do Comitê de Combate ao Coronavírus, está suspenso o retorno das aulas presenciais na rede pública de ensino (municipal e estadual), antes previsto para o próximo dia 1º de março. A decisão se baseou no aumento da ocupação dos leitos de UTI na rede municipal, além do avanço da média móvel de óbitos. A nova previsão de retorno é dia 15 de março. Com a decisão, também ficam suspensas as reuniões com pais e entrega de materiais e uniformes escolares que seriam realizadas nesta semana. As aulas da rede particular de ensino também estarão suspensas a partir do dia 1º de março. Como medida emergencial para contenção do avanço da doença, haverá toque de recolher na cidade entre as 22h e às 5h, a partir deste sábado (27/02)."

Loading...
Revisa el siguiente artículo