São Paulo vai contratar 5 mil mães de alunos

Por Metro

Além de levarem os seus filhos para o colégio, 5 mil mães também vão permanecer e trabalhar como monitoras nas escolas de São Paulo durante a pandemia.

A iniciativa, lançada pela prefeitura, está convocando as mulheres para ajudar no cumprimento dos protocolos sanitários, como fazer a medição da temperatura, fiscalizar a higienização e o uso de máscaras e evitar que as crianças se aglomerem.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

As mães que forem selecionadas vão receber R$ 1.155 para uma carga de 30 horas semanais, sendo 24 nas escolas e seis fazendo cursos de qualificação. O contrato será de seis meses.

Poderão participar do processo mulheres com idades entre 18 e 50 anos, desde que morem na capital, estejam desempregadas há pelo menos quatro meses e tenham renda familiar de até meio salário mínimo.

A prefeitura vai divulgar nos próximos dias os detalhes de como as interessadas poderão se inscrever.

A ideia, segundo a prefeitura, é promover a inclusão social e ajudar na reinserção dessas mulheres no mercado de trabalho. 

Loading...
Revisa el siguiente artículo