Avião sofre colisão com dezenas de pássaros e é obrigado a retornar para aeroporto; assista

Por Leandro Luz

Embora o impacto com pássaros, conhecido como birdstrike, não seja algo atípico, algumas situações terminam em momentos que precisam de atitudes extremas para garantir a segurança não só dos passageiros, mas também da tripulação de um avião.

Um vídeo compartilhado no YouTube em janeiro deste ano, voltou a repercutir na internet. Nele, uma aeronave do tipo Boeing 777, que tinha destino o Cazaquistão, teve que retornar ao aeroporto de Istambul Atatürk, na Turquia, cerca de 45 minutos após a decolagem, pois logo em seguida à sua saída, o avião sofreu uma colisão com dezenas de pássaros.

 

Leia também:

 

O fator decisor principal e que obrigou a aeronave a retornar, é que a proteção do radar, localizada no “nariz” do avião, foi deformada com o impacto. O mesmo aconteceu com os tubos de pitot.

Apesar de toda a situação, o avião retornou em segurança ao aeroporto.

Em nota oficial, a Turkish Airlines, empresa responsável pelo voo, se manifestou e disse o seguinte: “Nosso voo de carga na rota ISL-ALA (Almaty) numerado TK6220 partindo do Aeroporto Atatürk às 8:40 (local) encontrou um bando de pássaros logo após a partida. Nosso avião descarregou combustível por 30 minutos sobre o Mar de Marmara a fim de reduzir peso suficiente para pousar e, em seguida, pousou no Aeroporto Atatürk”.

Veja abaixo o momento da chegada do avião (Com Aeroin).

 

 

Loading...
Revisa el siguiente artículo