Mãe de dono da Havan morre vítima de Covid-19 em São Paulo

Por Metro World News

A mãe de Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, morreu na última quarta-feira (dia 3), em São Paulo, devido a complicações da Covid-19.

Regina Modesti Hang, de 82 anos, estava internada desde o fim de dezembro em um hospital da rede Prevent Sênior na Capital.

Leia também: 

A idosa foi internada com 95% dos pulmões afetados. Precisou ser intubada e, mais tarde, foi submetida a uma traqueostomia. Contraiu uma infecção generalizada e não resistiu.

Hang fez uma homenagem à mãe em seu perfil no Instagram. “Ela sempre será a cliente número 1 da Havan, me acompanhava pelo Brasil para abrir lojas. Eu costumava dizer que quando ela fazia a primeira compra a loja era um sucesso. Quanta saudade, mãe. Sorte de quem passou pela vida e pôde conhecer a mulher gentil e generosa que você foi”, escreveu em um trecho.

Apoiador do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Hang costuma contestar o isolamento social e  defender o uso de hidroxicloroquina contra o novo coronavírus. Ele e a esposa também se contaminaram e precisaram de internação.

Loading...
Revisa el siguiente artículo