Greve dos caminhoneiros tem atos isolados

Por Metro

O primeiro dia de greve dos caminhoneiros registrou adesão baixa, com poucos bloqueios em rodovias. A manifestação foi convocada por entidades do setor, entre elas o CNTRC (Conselho Nacional de Transporte Rodoviário de Cargas), que protestam contra o aumento do diesel neste mês.

Na pauta de reivindicações estão também redução de cobrança de PIS/Cofins sobre o combustível,  aumento da tabela do piso mínimo do frete, estabelecido em 2018 após a paralisação de 11 dias, modificação da redação do projeto sobre cabotagem e aposentadoria especial para o setor.

Em São Paulo, houve protesto na rodovia Castello Branco, no sentido São Paulo, na altura do km 30, em Barueri, por volta das 7h. Foram registrados dois quilômetros de congestionamento por conta dos veículos estacionados em uma das pistas.

Os caminhões que passavam pelo local eram obrigados a parar. Um motorista se recusou e teve o vidro da frente quebrado por uma pedra. Os manifestantes cobravam também o governador João Doria (PSDB) pelo fechamento do comércio, aumento do ICMS e valores dos pedágios.

Em Mossoró, no Rio Grande do Norte, caminhoneiros bloquearam parcialmente uma das pistas da BR-304/RN com pneus.

Houve protesto também no início da tarde em Goiás. Manifestantes atearam fogo em pneus em tentativa de bloqueio total do quilômetro 190 da BR-060/GO, na altura de Guapó.  Polícia Rodoviária e Ministério da Infraestrutura afirmaram que, por volta das 18h, nenhuma estrada federal registrava protestos. 

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, disse em entrevista ontem à Rádio Bandeirantes que o frete no transporte de cargas é “problema de mercado e não de governo”.

A fala foi uma tentativa de explicar o áudio de WhatsApp que circulava ontem entre os caminhoneiros, em que o ministro afirma que a categoria precisa “desmamar” do Planalto.

Freitas ressaltou na entrevista que os caminhoneiros sempre podem recusar o contrato se discordarem do valor do frete.  

Loading...
Revisa el siguiente artículo