Falta de vacina faz Madrid suspender campanha

Por Metro

O governo regional de Madrid, na Espanha, anunciou ontem a suspensão, por duas semanas, da aplicação de doses da vacina contra a covid-19. A justificativa é a falta de imunizantes e a garantia de segunda dose no prazo correto àqueles que já foram vacinados.

Segundo o Ministério da Saúde espanhol, há 163 mil vacinações pendentes no país. A expectativa é que, assim como na semana passada, a região tenha novas restrições de chegada da vacina nas próximas duas semanas.

Dois fatores contribuem com o atraso: tempestades de neve recentes, que bloquearam estradas, prejudicando a distribuição das doses, e a redução do fornecimento pela Pfizer, que está reformando sua linha de produção.

A região da Cantabária, ao norte da Espanha, é outra que precisou interromper a imunização. A campanha no país está focada em idosos que moram em asilos, profissionais de saúde e maiores de 80 anos – segundo o Our World in Data, 1,36 milhões já foram vacinados.  

Loading...
Revisa el siguiente artículo