logo
/ Foto: José Cruz/Arquivo Agência Brasil
Foco 17/11/2020

Ataque ao site do TSE foi ação para ‘deslegitimar as eleições’

Uma investigação da SaferNet, que trabalha em parceria com o Ministério Público Federal, aponta que o ataque ao site do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) durante as eleições municipais foram uma “operação coordenada” para “desacreditar a Justiça Eleitoral”. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

O tribunal foi alvo de um ataque para desestabilizar os servidores com sobrecarga por meio de acessos simultâneos na manhã de domingo.

“Trata-se de uma operação coordenada e planejada para ser executada no dia das eleições com o objetivo de desacreditar a Justiça Eleitoral e eventualmente alegar fraude no resultado desfavorável a certos candidatos”, afirmou o presidente da SaferNet, Thiago Tavares.