logo
/ Tasos Katopodis/Getty Images
Foco 16/11/2020

Donald Trump fala em derrota pela primeira vez

Pela primeira vez desde a confirmação do triunfo de Joe Biden na eleição presidencial nos Estados Unidos, em 7 de novembro, o republicano Donald Trump reconheceu ontem que o democrata “venceu” a disputa, mas culpando fraudes não comprovadas pelo resultado.

“Ele venceu porque a eleição foi fraudada”, escreveu o presidente no Twitter, citando uma série de acusações sem provas para justificar seu ponto de vista. Assim como tem feito nas últimas semanas, a rede social assinalou a mensagem com o alerta de que “a alegação sobre fraude eleitoral é contestável”.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Cerca de uma hora depois, o magnata percebeu o que havia escrito e disse que seu rival “venceu apenas aos olhos da mídia fake news”. “Eu não reconheço nada! Temos ainda um longo caminho pela frente”, completou.

Biden garantiu 306 dos 538 delegados no colégio eleitoral, mesmo resultado obtido por Trump em 2016. A diferença é que, naquela ocasião, o republicano recebera 3 milhões de votos a menos que Hillary Clinton, enquanto agora o presidente eleito tem 5,5 milhões de vantagem.

Trump já sofreu diversas derrotas em tentativas de bloquear na Justiça a apuração em estados-chave, e sua campanha anunciou que pedirá recontagem dos votos onde a diferença é muito apertada.