Prefeitura de SP organiza megaoperação contra mosquito da dengue

Por Metro World News

É mesmo como uma megaoperação que a Prefeitura de São Paulo está tratando a mais nova estratégia de combate ao mosquito transmissor da dengue e aos pernilongos que têm infestado a cidade nos últimos meses.

As ações de prevenção e de eliminação dos insetos, que tiveram início ontem e vão terminar amanhã, preveem a aplicação de 50 quilos de larvicida nas margens do rio Pinheiros e a pulverização de 20 litros de inseticida – o dobro do que é utilizado em ações de rotina.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Sebrae Outubro

A ideia é aproveitar a semana com temperaturas mais amenas, já que o calor favorece a multiplicação dos insetos, e tentar reduzir essa população antes do verão.

Os trabalhos, que incluem a retirada manual de criadouros dos mosquitos, serão realizados em 1.100 quarteirões, com prioridade para os bairros de Pinheiros, Alto de Pinheiros, Santo Amaro, Capela do Socorro, Butantã e M’Boi Mirim. As ações serão complementadas pela limpeza e tratamento químico de bueiros.

E tem muita gente esperando pelos resultados desse esforço. Em setembro, até um abaixo-assinado virtual foi criado pedindo que a prefeitura tomasse providências sobre a infestação dos pernilongos, que segundo os moradores é a maior dos últimos anos.

Os dados da própria prefeitura refletem o aumento dessa insatisfação. Segundo o governo, o número de queixas no 156 para “solicitar avaliação de local com pernilongo/mosquito” caiu de 331, em julho, para 221, em agosto, mas explodiu em setembro, quando houve o registro de 1.428 reclamações. O crescimento é de 546% na comparação com o mês anterior.

Loading...
Revisa el siguiente artículo