PIB brasileiro pode encolher 5%, projeta Banco Mundial

Por Metro World News com Estadão Conteúdo

Projeções do Banco Mundial apontam que a economia brasileira deve encolher 5% em 2020 por causa da crise provocada pelo novo coronavírus. O levantamento, divulgado no domingo (12), foi feito usando dados dos países latino-americanos até o dia 10 de abril e não considerou a economia da Venezuela.

Ao todo, a América Latina pode encolher 4,6% neste ano. O Brasil só não terá perdas maiores do que as de México (6%), Equador (6%) e Argentina (5,2%), segundo o documento.

Para o Banco Mundial, o forte choque sofrido pelas economias exige respostas de políticas em diversas frentes: para apoiar os mais vulneráveis, evitar uma crise financeira e proteger os empregos. O risco de uma crise financeira não deve ser descartado, devido à magnitude deste choque.

Para ajudar os vulneráveis a enfrentar a perda de renda motivada pelo isolamento social, os programas atuais de proteção e assistência social “devem ser rapidamente ampliados e ter sua cobertura estendida”, diz o relatório. Ao mesmo tempo, os governos devem considerar apoiar as instituições do setor financeiro e as principais fontes de emprego, aponta o estudo.

Na avaliação do Banco Mundial, a pandemia da covid-19 contribui para um grande choque do lado da oferta. A demanda da China e de países desenvolvidos deve cair drasticamente, afetando os exportadores de commodities da América do Sul e os exportadores de serviços e bens manufaturados da América Central e Caribe.

O Banco Mundial informou ainda em seu relatório que distribuirá até US$ 160 bilhões em apoio financeiro nos próximos 15 meses para ajudar os países a proteger os pobres e vulneráveis, apoiar as empresas e fortalecer o processo de recuperação econômica.

Loading...
Revisa el siguiente artículo