Em São Paulo, botijão de gás segue em falta e é vendido a preços abusivos

Por Metro World News com BandNews FM

Ainda não há prazo para o abastecimento de botijões de gás ser regularizado em São Paulo. A expectativa do Sindigás (Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo) era de que o mercado retornaria à normalidade ainda nesta semana.

No entanto, o produto segue em falta em muitos bairros da capital paulista. Moradores que conseguem encontrar o GLP ainda reclamam de preços abusivos. Desde a semana passada, o governo paulista colocou o limite de até R$ 70 no valor do botijão de gás.

Na semana passada, o governo estadual anunciou uma força-tarefa para fiscalizar e punir a prática de preços abusivos de botijões de gás. Caso o consumidor flagre essa situação, a orientação é denunciar pelo site, aplicativo ou redes sociais do Procon-SP.

Veja também:
Passo a passo para apertar os cintos em caso de redução de salário
UE quer que fronteiras externas fiquem fechadas até 15 de maio

Loading...
Revisa el siguiente artículo