Foco

Metrô e trens podem parar nesta terça-feira

Os metroviários realizam uma assembleia na noite desta segunda-feira (31/7) para decidir se a categoria entra em greve de 24h nesta terça-feira (1/8). A paralisação da categoria é um protesto contra a privatização e a terceirização no metrô e as Reformas de Temer. 

A greve do Metrô havia sido aprovada em assembleia do último  dia 20.

Funcionários da CPTM também prometem fazer paralização nesta terça-feira contra a redução da tabela salarial em 3,51%.

Caso as paralisações ocorram, o TRT (Tribunal Regional do Trabalho) concedeu liminares que obrigam que 80% do efetivo da CPTM trabalhe das 4h às 10h e das 16h às 21h.

Já no Metrô, os mesmos 80% devem ser mantidos das 6h às 9h e das 16h às 19h.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos