Foco

Cidade da Criança, na Grande SP, abrirá só aos fins de semana

Considerado um dos parques mais visitados nas décadas de 1970 e 1980 no Estado, a Cidade da Criança, em São Bernardo (Grande São Paulo), vai abrir apenas aos sábados e domingos até o mês de junho.

A atração tradicionalmente reduz o expediente nos meses de março, abril, agosto e setembro, considerados de  baixa temporada, mas não costuma limitar o funcionamento a tão poucos dias.

O site da prefeitura ainda informava ontem que, durante esses meses, o expediente é de quarta a domingo, das 9h às 17h. No restante do ano, a atração fecha apenas às segundas. Mas resolução publicada na última edição do “Notícias do Município”, voltado para os atos oficiais, restringe a abertura para os fins de semana e feriado até 30 de junho, sempre das 9h às 18h.

Um aviso no portão fechado da Cidade da Criança alertava ontem os frequentadores sobre o novo funcionamento. De acordo com o informativo, a alteração é motivada pelo fim da alta temporada e a necessidade de manutenção preventiva e corretiva das atrações (veja imagem acima).

Apesar de pertencer à Prefeitura de São Bernardo, o parque é administrado pelo Aquário de São Paulo. A empresa tem a concessão do espaço desde 2010, quando a atração foi reaberta ao público depois de 5 anos fechada.

Procurada pela reportagem, a prefeitura reafirmou que o fechamento é motivado pela necessidade de  manutenções e disse que o parque receberá novas atrações nos próximos meses. Os custos e a implantação serão responsabilidade do permissionário.

A administração pública confirmou que atualmente cinco atrações não estão em funcionamento: Rio Amazonas, Planetário, Tobogã, TeleCombate e Tagadá.

O parque tem entrada gratuita e os visitantes pagam por cada brinquedo utilizado. O Aquário de São Paulo prometeu se pronunciar hoje sobre o assunto.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos