Foco

Egípcio que atacou no museu do Louvre chegou a Paris por Dubai

O homem armado que tentou entrar no museu do Louvre na manhã desta sexta-feira (3) e acabou sendo morto por um militar foi identificado como Abdallah E-H., um egípcio de 29 anos que chegou na França de Dubai, nos Emirados Árabes, pelo aeroporto de Roissy Charles de Gaulle no último dia dia 26 de janeiro.

As informações foram extraídas de um celular que o atacante carregava com ele pela polícia local. O homem, que havia conseguido um visto para estar na França, partiria do país no próximo domingo, dia 5 de fevereiro.

Invasão ao Louvre foi ‘ato terrorista’

O presidente da França, François Hollande, afirmou que «não há dúvidas» de que a tentativa de invasão ao Museu do Louvre, em Paris, foi um «ato terrorista».

Nesta sexta-feira (3), o mandatário está em Malta para uma cúpula informal dos líderes da União Europeia. «Quero saudar a eficácia da Operação Sentinela, que protege nossos compatriotas. Foi evitado um ato sobre o qual não há dúvidas em relação a sua natureza terrorista», disse Hollande.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos