Brasil

EDITORIAL: País é agredido por um absurdo trem da alegria

Num momento em que a crise exige, como nunca, sacrifícios de todos, impondo às empresas e aos trabalhadores uma dura batalha pela sobrevivência, o país é agredido pela notícia de que um absurdo trem da alegria chega distribuindo aumentos de até 41% para 16 categorias de servidores públicos. (Assista o vídeo no fim do texto).

Os primeiros agraciados estão nos tribunais, que ganham novo teto salarial, com seu efeito dominó.

Leia também
Câmara aprova aumento salarial bilionário para servidores públicos

O presidente Temer, ciente da grave herança que recebeu e do estrago que estas despesas farão nas contas públicas, não teve coragem suficiente para enfrentar as pressões e chantagens de sempre. Simplesmente se rendeu. Deu ao Brasil uma prova de fraqueza, quando o que se precisa é de um governante disposto a enfrentar sem hesitações o enorme desafio que aí está.

Presidente Temer, se o senhor não se convence diante dos números trágicos que deve administrar com responsabilidade, pense, pelo menos, no estado de espírito com que 12 milhões de brasileiros desempregados devem ter recebido essa desastrosa decisão do seu governo.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos