logo
Foco
Foco 29/04/2015

Homens incendeiam dois ônibus em Itapevi e Jandira, na Grande SP

Coletivo da Viação Raposo Tavares, que fazia a linha Pinheiros/Itapevi, foi incendiado na Estrada da Roselândia / Edison Temoteo/Futura Press

Coletivo da Viação Raposo Tavares, que fazia a linha Pinheiros/Itapevi, foi incendiado na Estrada da Roselândia | Edison Temoteo/Futura Press

Criminosos incendiaram dois ônibus e espalharam medo nos moradores de Itapevi e Jandira, na noite de terça-feira. A polícia ainda não tem pistas dos suspeitos.

O policiamento foi reforçado em parte do município de Itapevi.

Um grupo incendiou um coletivo da Viação Raposo Tavares, que fazia a linha Pinheiros – Itapevi, na Estrada da Roselândia, no Parque Suburbano, próximo à região central da cidade.

Apesar do boato que se espalhou pelas redes sociais, alguns estabelecimentos comerciais ainda estavam abertos por volta das 21h.

Quatro horas antes, uma traficante foi morta pela polícia na Rua Ana Araújo de Castro, no Jardim Rainha.

Segundo os taxistas, muitos ônibus foram retirados de circulação e as pessoas, com medo de ficar expostas nas ruas, resolveram voltar para casa de táxi.

A esposa de um ouvinte da Rádio BandNews FM Sandro Silva estuda na Faculdade Eça de Queirós, em Itapevi, e foi dispensada mais cedo ontem e segunda-feira por causa da sensação de insegurança que se espalhou na cidade.

Já em Jandira, cidade vizinha, outro boato de toque de recolher já havia ocorrido na noite de domingo após a morte de um traficante.

Em represália, bandidos queimaram um ônibus na Rua Angelina, no Jardim Europa.

A Polícia Militar não deu detalhes sobre os ataques aos ônibus nem sobre os tiroteios que terminaram com a morte dos traficantes.

No entanto, em Itapevi, no fim da noite de ontem, viaturas da PM acompanhavam alguns ônibus para evitar novos ataques.